Recorte da Revista Super Pop – 1973

 

Na década de 1970 (72-73) os Bee Gees contataram Ridley Scott (diretor) sobre fazer um filme, seria uma “brincadeira” medieval (filme cômico ou de terror?). Foi provisoriamente intitulado por Ridley de “Castle Accident” mais tarde foi mudado para “Castle X”, a história foi até escrita, mas algo aconteceu financeiramente (da parte dos Bee Gees) para a execução do filme e eles decidiram não fazê-lo.


Ridley Scott é diretor e produtor de vários filmes de sucesso como Gladiator (2000), Hannibal (2001) e muitos outros.

Relembrando: Os Bee Gees (Barry e Maurice no caso) já fizeram um filme medieval cômico intitulado Cucumber Castle em 1970, época que o Robin saiu do grupo. Quem sabe eles iriam fazer dessa vez um filme do mesmo tipo, mas agora com Robin?

O lançamento do To Whom It May Concern foi em Outubro de 1972 e foi gravado entre janeiro e abril em Londres.

Geoff Bridgeford saiu no começo de 1972, sendo substituído, para as turnês, por Chris Karon, que não participou da continuação das gravações de To Whom It May Concern, sendo contratado Clem Cattini para isso.

 

 

Mais informações abaixo:

 


 

Ridley Scott penned medieval musical for the Bee Gees

Gladiator  director Ridley Scott almost got his big break as a filmmaker from the Bee Gees.

The Brit was working on a medieval romp, which was to star the three Gibb brothers, but financial issues led to the project getting scrapped.

Scott tells Details magazine, “My contact in their management company told me, ‘The boys are in disarray. We need to do a movie that will put everything back on track. You know, like (Beatles film) A Hard Day’s Night.’

“So I wrote a film called Castle Accident. I was very much enamored of medieval tales. And I met the Bee Gees. Then something happened financially and they decided not to do it. I was very disappointed.”

 

Fonte: Scott Penned Medieval Musical for the Bee Gees

Castle X

| Clipes | 0 Comments
About The Author
-

Deixe uma resposta